78ª SOEA reúne mais de 5.600 participantes em Gramado

Evento realizado no Rio Grande do Sul contou com quase 160 palestras de especialistas brasileiros e estrangeiros sobre temas ligados ao sistema Confea/Crea

Entre os dias 8 e 11 de agosto, mais de 5.600 profissionais e estudantes do sistema Confea/Crea se reuniram em Gramado (RS) para discutir temas ligados à engenharia e à agronomia, bem como atividades afins. A 78ª Semana Oficial de Engenharia e Agronomia (SOEA) foi marcada pelo debate sobre inovação e sustentabilidade, terminando com um saldo de quase 160 palestras e com a divulgação da Carta que expressa o resultado das discussões. O próximo encontro já foi anunciado para 2024, em Salvador, na Bahia.

Entre os participantes, estiveram vários conselheiros do Clube de Engenharia, como Luiz Cosenza (presidente do Crea-RJ), Luiz Carneiro, Francis Bogossian, José Schipper, Alberto Balassiano, Regina Moniz, Iara Nagle, Luiz Freire, Márcio Paes Leme, Evaldo Valladão, Eduardo König, Nilo Ovídio, Luiz Felipe Pupe, Renato Cabral Ramos, Licínio M. Rogério, Guilherme Estrella e Guaraci Porto. Muitos sócios também assistiram às conferências, como Antonio Batista, Paulo Tadeu, Estellito Rangel Junior, Osvaldo Neves, Luiz Barata, Jacques Sherique, Gabriel Lamounier e Vagner Fia.

78ª SOEA reúne mais de 5.600 participantes em Gramado elf 9553 1

Em seu último discurso em Soea à frente do Confea, o presidente Joel Krüger listou os pontos altos desta edição. “A Soea de Gramado alcançou o maior número de participantes da história, a quem ofereceu uma programação com temas estratégicos tanto para nossos profissionais  como para o país”, frisou. A transversalidade dos temas que abrangem políticas públicas foi a linha mestre dos “debates que discutiram o presente e apontaram caminhos que podem ajudar o país na conquista da soberania em áreas estratégicas do desenvolvimento nacional”.

Sobre os assuntos da agenda global, Krüger lembrou que o Prêmio Nobel Rattam Lal ensinou sobre agricultura e sustentabilidade para o planeta, apontando novos conceitos e a importância do tema para o mundo. “Ficamos orgulhosos e felizes em ouvir do Prêmio Nobel, que ‘nunca tinha visto um evento tão grandioso e bem organizado, com tantos engenheiros reunidos debatendo importantes assuntos’. Tenho certeza de que cada palavra do mestre Rattam Lal tem um profundo sentido e muito conhecimento”, comentou.

A participação do engenheiro e meteorologista Carlos Nobre, um dos nomes mais conhecidos da ciência brasileira no mundo foi citada, assim como a presença da engenheira mecânica Aprille Jay Ericsson foi exaltada. “A primeira afro-americana a obter o título de PHD em Engenharia Mecânica pela Nasa nos apresentou sua experiência”, acrescentou Krüger.  

Também foi evidenciada a forte presença dos parceiros internacionais, como a Federação Mundial de Organizações de Engenharia, Ordem dos Engenheiros de Portugal, União Pan-americana de Associações de Engenheiros, Sociedade de Engenheiros da Bolívia e Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. “São entidades que ajudam o Confea a pensar a estratégia de internacionalização”.

78ª SOEA reúne mais de 5.600 participantes em Gramado 78a soea reune mais de 5 600 participantes em gramado 78a soea reune mais de 5 600 participantes em gramado
Representantes do Clube de Engenharia presentes. Crédito: Dani Barcellos


 Carta de Gramado
Ao iniciar seu discurso, o coordenador do Colégio de Entidades Nacionais (Cden), eng. agr. Kleber Sousa dos Santos, comemorou os 96 anos da Confederação dos Engenheiros Agrônomos do Brasil (Confaeab), entidade que, além de integrar o Cden, tem Kleber como seu presidente.

Em seguida, proferiu a leitura da Carta de Gramado, um documento oficial que consolida a posição do Sistema diante das discussões da 78ª Semana Oficial da Engenharia e Agronomia (Soea) em temas relacionados à soberania nacional. A Carta deste ano enfatiza que as Engenharias formam a base do desenvolvimento tecnológico, enquanto a Agronomia desempenha um papel vital na garantia da segurança alimentar em um mundo afetado pelo crescimento populacional e pelas mudanças climáticas. Além disso, o documento ressalta a importância da Geologia, da Geografia e da Meteorologia para a compreensão e proteção da Terra, visando um futuro mais seguro e sustentável.

Leia aqui a íntegra da Carta de Gramado.

Print Friendly, PDF & Email

Fale Conosco

Print Friendly, PDF & Email
Inscrição

Enviar Carta