Alerj realiza solenidade em homenagem aos 70 anos da Petrobras

A cerimônia no Palácio Tiradentes contou com a presença do presidente da empresa, Jean Paul Prates, e do presidente do Clube de Engenharia, Márcio Girão

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) realizou uma solenidade, na última  segunda-feira (09/10), para homenagear os 70 anos da Petrobras, comemorado neste mês. A cerimônia foi realizada no Plenário do Palácio Tiradentes, sede histórica do Parlamento fluminense, e contou com a presença do presidente da empresa, Jean Paul Prates, e o presidente do Clube de Engenharia, Márcio Girão.

“O Clube de Engenharia, fundado há 142 anos por decreto de Dom Pedro II, foi importantíssimo para a campanha do Petróleo é Nosso. O Clube teve um papel fundamental no início, junto com Getúlio Vargas e outros, para a construção da Petrobras. E até hoje nosso Estatuto preza a soberania, o desenvolvimento e a democracia. Ele luta por essas questões porque é uma luta permanente. O petróleo é nosso, a água é nossa, o agro é nosso e o Brasil é nosso!”, declarou Girão em seu discurso na sessão solene.

A Petrobras foi criada em 3 de outubro de 1953, pelo então presidente Getúlio Vargas, como resultado da campanha popular “O Petróleo é Nosso”, que debatia como deveria ser feita a exploração do petróleo no Brasil, que contou com o engajamento do Clube de Engenharia. Hoje, a empresa é uma das maiores do mundo na área de energia, principalmente de exploração, produção, refino, comercialização e transporte de petróleo, gás natural e seus derivados. A empresa também se consolidou como a maior do país, cujo valor de mercado hoje ultrapassa R$ 470 milhões.

Alerj realiza solenidade em homenagem aos 70 anos da Petrobras alerj realiza solenidade em homenagem aos 70 anos da petrobras alerj realiza solenidade em homenagem aos 70 anos da petrobras 1

“A criação da Petrobras nesta Casa Legislativa, que abrigava na época o Congresso Nacional, foi uma decisão de entender que implementar uma empresa de petróleo no Brasil era largar o monopólio do café e partir para um projeto de industrialização do país. Então, ao longo destes 70 anos, eu acho que nós temos muitas razões para comemorar,” afirmou a deputada Martha Rocha (PDT), responsável pela iniciativa da homenagem e que também presidiu a cerimônia.

A parlamentar destacou, ainda, a relevância da petrolífera para o Estado do Rio de Janeiro. “O Rio de Janeiro detém 8% de jazidas de petróleo de todo o território nacional e 60% das jazidas de gás. Além disso, a Petrobras investirá R$ 1,7 trilhão no Programa de Aceleração de Crescimento e por isso é importante que o Estado do Rio esteja no radar, para que a gente possa ter um novo ciclo de reindustrialização com estes novos postos de trabalho e garantia da energia e da sustentabilidade” pontuou Martha.

Uma sede adaptada ao futuro

O presidente da Petrobras aproveitou a ocasião para anunciar a retomada e revitalização de uma sede carioca da Petrobras. “É uma honra participar dessa celebração que acontece justamente na casa do povo, o Palácio Tiradentes, que também guarda toda a história da Petrobras. Aproveitamos para anunciar que o Edifício Sede da Petrobras (Edise), que estava fechado desde 2021, será retomado como o primeiro ambiente de trabalho adaptado para futuras gerações. Essa ação será importante também para a revitalização do Centro do Rio, onde temos duas sedes, uma na Rua do Senado e a que será reaberta, na Avenida Chile,” destacou Prates.

Também estiveram presentes no evento o Secretário de Economia e Energia do Mar, Hugo Leão; o vice-presidente da Firjan, Celso Mattos; o Secretário da Federação Nacional dos Petroleiros, Adaedson Costa; a Prefeita de Quissamã, Maria de Fátima; entre outros.

Print Friendly, PDF & Email

Fale Conosco

Print Friendly, PDF & Email
Inscrição

Enviar Carta