Clube de Engenharia
Fundado em 1880

O que você procura?
Revista
Autores
Categorias
Subcategorias
Tags

Anunciada nova hidrovia entre Brasil e Uruguai

Governos dos dois países construirão infraestrutura para incrementar a interligação logística e facilitar o transporte de carga

Os governos de Brasil e Uruguai anunciaram na última terça-feira (07/03) a realização de uma licitação para a implantação de uma hidrovia entre os dois países. O projeto permitirá a integração logística com condições de tráfego seguro de embarcações e o escoamento de cargas pelo Porto de Rio Grande (RS). A previsão é de que as obras tenham início ainda este ano.
O anúncio foi acompanhado da apresentação do projeto básico e executivo da hidrovia. Como parte de um pacote de investimentos em infraestrutura integrando os dois países também foi anunciada a licitação para uma nova ponte sobre o rio Jaguarão, que ligará as cidades de Jaguarão, no Brasil, e de Rio Branco, no Uruguai.
Também foi definido um cronograma para a binacionalização do Aeroporto Internacional de Rivera, no Uruguai, próximo à fronteira com a brasileira Santana do Livramento (RS).

Transporte hidroviário

O transporte de carga em navegação interior no Brasil apresentou balanço anual positivo. Os dados são do Estatístico Aquaviário de 2022 da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ).
Os dados mostram que pelo modal foram transportadas 38.438.453 toneladas em 2022, o que representa um aumento de 5,36% em comparação a 2021. Destaque para as regiões hidrográficas Amazônica e Tocantins-Araguaia – responsáveis por 76% do transporte interior no país – apresentaram 14,5% e 13,1% de crescimento, respectivamente.
A hidrovia do Paraguai também registrou aumento no total de cargas transportadas, apresentando um aumento de 45,9%. Já as hidrovias Atlântico Sul, Paraná (que completam montante transportado nas regiões hidrográficas brasileiras) registraram queda de 31,9% e 27,4%, respectivamente.
A mercadoria que apresentou maior crescimento percentual entre janeiro e dezembro do ano passado foi o milho. Em 2022, 22,1 milhões de toneladas do cereal foram transportadas entre os portos interiores, o que representou um aumento de 87,2% em comparação a 2021.
Petróleo e derivados também registraram alta 14,4% com 10,2 milhões de toneladas transportadas ao longo do ano.
A instalação portuária de destaque de movimentação foi o Terminal Hidrovias do Brasil Miritituba que registrou um aumento de 46,52%. O terminal Bertolini – Santarém (PA) movimentou em navegação interior 3,3 milhões de toneladas, apresentando uma variação positiva de 202,8% em comparação a 2021.

Foto: Creative Commons.

Print Friendly, PDF & Email

Recomendado

Próximos Eventos

  • Anuncie Aqui

  • Se você viu, seu cliente também verá!

  • Fale Conosco

    Print Friendly, PDF & Email
    Inscrição

    Enviar Carta