Clube de Engenharia
Fundado em 1880

O que você procura?
Revista
Autores
Categorias
Subcategorias
Tags

Crea-RJ e universidades celebram o Prêmio de Trabalhos Científicos e Tecnológicos em cerimônia no Clube de Engenharia

Evento realizado reuniu estudantes e professores que se destacaram em trabalhos e pesquisas de conclusão de curso durante 2022

A emoção e o orgulho pelo reconhecimento do esforço na pesquisa acadêmica tomaram conta de estudantes, professores e orientadores de universidades do Estado, que receberam nesta quinta-feira (09) o XI Prêmio Crea-RJ de Trabalhos Científicos e Tecnológicos, em cerimônia realizada no Clube de Engenharia, no Centro do Rio de Janeiro.
 

Por meio da entrega de certificados e troféus, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado (Crea-RJ) prestou homenagem a alunos e professores que se destacaram em trabalhos e pesquisas nas áreas de Engenharia e Geociências. O objetivo é o de valorizar os estudantes, e seus professores/orientadores, que contribuem para a construção do acervo científico e tecnológico do Estado do Rio e do país em espaços de referência para a produção de novos conhecimentos.

Nesta décima primeira edição do evento, que teve como tema Inovação em Engenharia e Sustentabilidade, foram contemplados 78 trabalhos e/ou projetos de conclusão de curso referentes ao ano de 2022: monografias, dissertações e teses apresentadas em instituições de nível superior – na Graduação, Mestrado e Doutorado –, com valor acadêmico e/ou potencial mercadológico.

Crea-RJ e universidades celebram o Prêmio de Trabalhos Científicos e Tecnológicos em cerimônia no Clube de Engenharia whatsapp image 2023 11 13 at 15.24.00 1

Ao todo, receberam a premiação 102 autores de 15 instituições de ensino do Estado, entre elas: Instituto Militar de Engenharia (IME), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a Universidade Federal Fluminense (UFF), a Pontifícia Universidade Católica (PUC-RJ), a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Universidade Cândido Mendes, Universidade Augusto Motta (UNISUAM), Universidade do Grande Rio (UNIGRANRIO), Faculdade Sul Fluminense (FASF), Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF), Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET), Centro Universitário Geraldo di Biase (UGB) e o Centro Universitário de Volta Redonda (UniFOA). Todas as instituições de ensino participantes receberam troféus.
 “Este Prêmio cria uma aproximação maior do nosso Conselho com as universidades, que formam os nossos engenheiros e que são uma referência no mundo inteiro. Para nós, a união do Crea com as faculdades de engenharia é fundamental.  Estamos trabalhando todos esses anos para valorizar o trabalho incansável desses estudantes e profissionais que já se formaram; bem como dos professores orientadores e as próprias instituições de ensino. A Engenharia precisa ser cada vez mais valorizada. Ela está em toda parte, aqui neste auditório, neste prédio; e não é só na construção civil, é também nas transmissões pela internet, na área da medicina, tudo depende da Engenharia”, declarou Luiz Antonio Cosenza, presidente do Crea-RJ.
 

A professora Claudio Morgado, diretora da Escola Politécnica da UFRJ, concorda: “É muito importante essa integração da Academia com o Crea, com o sistema profissional Confea/Crea. Muitas vezes o aluno fica afastado, não entende a importância do Crea, na área da fiscalização, do exercício da profissão, do Conselho de Ética, inclusive da série de benefícios que a Mútua oferece, então, é essencial estreitar esses laços”, afirma.

O Coordenador da Comissão de Educação no Crea-RJ, Erick Galante, também destacou que “a premiação significa o momento em que o Crea reconhece e abraça os nossos egressos, é quando os egressos da graduação têm os primeiros contatos com o nosso Conselho, é o primeiro ano deles como engenheiros formados, são profissionais do Sistema Confea/Crea que agora têm seus esforços reconhecidos pela excelência dos trabalhos desenvolvidos na universidade”.

Para o pró-reitor de pós-graduação do Instituto Militar de Engenharia, Paulo Cesar Pelanda, “a premiação tem uma importância enorme, não só para o IME como para toda a comunidade acadêmica do estado porque incentiva o aluno que está terminando a graduação, por exemplo, a continuar os estudos, a se aprofundar. Ele se sente valorizado. Isso é fundamental para o jovem ingressar na vida profissional, seja no mercado de trabalho, seja nas instituições de ensino e pesquisa”. 

Pedro Alcides Lobo Penna Firme foi um dos estudantes contemplados com o XI Prêmio Crea-RJ de Trabalhos Científicos e Tecnológicos, por sua tese de Doutorado na Engenharia Civil da PUC-Rio relativa ao estudo da Rocha Sal, muito conhecida no contexto do Pré-Sal e na indústria de óleo e gás. “Este prêmio é um marco muito relevante para a minha carreira. O desenvolvimento da pesquisa de doutorado é algo que leva alguns anos, um processo exaustivo, então é muito bom receber o reconhecimento do Crea”, disse ele.

O presidente do Clube de Engenharia. Márcio Girão, resumiu o que para ele são os quatro aspectos mais relevantes do Prêmio Crea-RJ de Trabalhos Científicos e Tecnológicos: estímulo e motivação de nossos alunos de engenharia e de seus professores; reconhecimento do esforço de todos os premiados; disseminação de conhecimento e, por fim, uma inspiração para as próximas gerações de estudantes”.

A seleção e a indicação ao Prêmio dos trabalhos de conclusão de curso foram feitas pelas próprias instituições de ensino. Os trabalhos premiados serão agora publicados na Ângulos, a revista digital do Crea-RJ, a critério da Comissão Editorial do Conselho. 

O evento foi transmitido ao vivo pelo canal do YouTube WebTV Crea-RJ.

Volte ao Engenharia em Pauta.

Print Friendly, PDF & Email

Recomendado

Próximos Eventos

Fale Conosco

Print Friendly, PDF & Email
Inscrição
Enviar Carta